quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Reflexão... Quem quer...


Quem quer alegrar as pessoas, deve ter alegria no coração.
Quem quer aquecer o mundo, precisa trazer fogo em si.
Quem quer ajudar as pessoas, deve transbordar de amor.
Quem quer criar paz na terra, deve ter achado paz no seu próprio coração.

Phil Bosmans 




terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Oração a Nossa Senhora de Lourdes



Oração

Ó Virgem Puríssima, Nossa Senhora de Lourdes, que vos dignastes aparecer a Bernadette, no lugar solitário de uma gruta, para nos lembrar que é no sossego e recolhimento que Deus nos fala, e nós falamos com Ele. Ajudai-nos a encontrar o sossego e a paz da alma, que nos ajudam a conservar-nos sempre unidos em Deus. Nossa Senhora da Gruta, dai-me a graça que vos peço e tanto preciso, (pedir a graça). Nossa Senhora, rogai por nós. Amém.


Gruta do Sítio 

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Nossa Senhora de Lourdes

Nossa Senhora de Lourdes, rogai por nós!


Mensagem da Virgem de Lourdes resumidas em sete pontos:

1. É um agradecimento do céu pela definição do dogma da Imaculada Conceição que tinha sido declarado quatro anos antes por Pio IX (1854), ao mesmo tempo que assim apresenta Ela mesma como Mãe e modelo de pureza para o mundo que está necessitando desta virtude.

2. Derramou inumeráveis graças físicas e espirituais, para que nos convertamos a Cristo em sua Igreja.

3. É uma exaltação às virtudes da pobreza e humildade aceitas cristãmente, ao escolher Bernadette como instrumento de sua mensagem.

4. Uma mensagem importantíssima em Lourdes é o da Cruz. A Santíssima Virgem repete que o importante é ser feliz na outra vida, embora para isso seja preciso aceitar a Cruz. "Eu também te prometo fazer-te ditosa, não neste mundo, mas no outro.

5. Em todas as aparições veio com seu rosário: A importância de reza-lo.

6. Importância da Oração, da Penitência e da Humildade (beijando o solo como sinal disso); também uma mensagem de misericórdia infinita para os pecadores e do cuidado com os doentes.

7. Importância da Conversão e a Confiança em Deus.

(Pesquisa no Google)


sábado, 8 de fevereiro de 2014

Santa Josefina Bakhita

"Sede bons, amai o Senhor, rezai por aqueles que não O conhecem".

Josefina Bakhita ( em italiano: Giuseppina Bakhita)  foi uma religiosa da Igreja Católica da Ordem Canossiana, italiana de origem sudanesa.
Em 1992 foi Beatificada pelo Papa João Paulo II e elevada a honra dos altares em 2000, pelo mesmo Sumo Pontífice. 

O nome "Bakhita" que significa em idioma africano, "afortunada", não lhe foi dado ao nascer mas lhe foi atribuído pelos raptores. Foi capturada, vendida por mercadores de escravos negros no mercado de Obeid  e de Cartum ao Cônsul da Itália no Sudão, D. Calixto Legnani, que logo lhe deu carta de liberdade. No período de escravidão, Bakhita sofreu as humilhações, sofrimento físico, psicológico e moral dos escravos negros.
Na casa do Cônsul Legnani, Bakhita trabalhava como mulher livre e isto lhe deu momentos de serenidade. Quando Legnani teve de regressar ao país, Bakhita decidiu acompanha-lo e chegando a Gênova é transferida para a localidade de Zianigo, ao serviço da família Michieli como "ama-seca". Posteriormente passou à Congregação Religiosa das Irmãs Canossianas de Veneza, onde recebeu os primeiros sacramentos do catecumenato, foi batizada com o nome de Josefina e em 8 de dezembro tomou o hábito ingressando na ordem das Irmãs Canossianas com o nome religioso de Irmã Josefina.
Josefina Bakhita se destacou pela piedade e amor a Eucaristia, também pela assistência aos pobres e desamparados, o que fez com que ficasse conhecida com o apelido de Madre Moretta ( Madre Morena ).
Irmã Josefina Bakhita faleceu com 78 anos, no dia 8 de fevereiro de 1947, na Congregação Canossiana, em Schio, Itália.

(Pesquisa no Google)

domingo, 2 de fevereiro de 2014

Apresentação do Senhor


Jesus é apresentado no templo, onde Simeão diz que Cristo é sinal de contradições. Isso nos lembra que devemos ir contra a corrente, isto é, morrer a nossa vontade e reagir a toda forma de comodismo. Maria encontra Simeão. É um momento de alegria porque ele confirma que Jesus é o Filho de Deus, mas é também um momento de dor. Foi um anúncio da dor de Maria: "A espada transpassará a sua alma". Para viver o Evangelho, é necessário compreender que também nós devemos fazer nossa apresentação ao Senhor.

( Agenda Bíblica, 1993 )