domingo, 4 de agosto de 2013

São João Maria Vianney - Dia do Padre


 Nascido perto de Lião, cresceu durante a revolução francesa. Após grandes esforços e dificuldades, conseguiu chegar ao sacerdócio em 1815, tornando-se, três anos depois, primeiro pároco de Ars. Animado de grande desejo de ser um verdadeiro pastor, bom de caráter, simples, humilde e sincero, com extraordinária capacidade de sacrifício, converteu primeiro sua paróquia, outrora indiferente, transformando-a numa comunidade exemplar. Por um período de quarenta anos, Ars tornou-se um centro de atração. um público inumerável da Europa e América cercava-lhe cada vez mais o confessionário, pedia conselho ou uma palavra de luz e conforto. Com extrema simplicidade de meios, sua pastoral teve uma insuperável eficácia; sua pregação convertia e fortalecia a fé e a vida cristã. A força de sua ação sacerdotal provinha do testemunho de sua vida pobre, penitente, toda feita de fé, caridade, doação e dos dons carismáticos que Deus lhe concedia. Morreu extenuado aos 73 anos. Pio XI canonizou-o em 1925 e em 1929 proclamou-o patrono dos párocos.

(Missal Cotidiano, 1985.)   




Nenhum comentário:

Postar um comentário